Trabalhadores da TELEMONT aprovam a pauta de reivindicações 2019

Autor: Redação Sinttel-DF
Contato: imprensa@sinttel.org.br

Os trabalhadores da TELEMONT, em Brasília, aprovaram a Pauta de Reivindicações 2019 da categoria para as negociações do Acordo Coletivo de Trabalho 2019/2020. A assembleia foi realizada na manhã desta segunda-feira (8/4) em frente à sede da empresa, no Setor de Indústrias e Abastecimento (SIA). No encontro dos trabalhadores, os diretores do sindicato reforçaram a importância da participação da todos na Campanha Salarial deste ano, uma vez que após a reforma trabalhista só aumentou a exploração nas empresas.

Durante a assembleia, os diretores do sindicato reforçaram a importância da participação da categoria para preservar os direitos e avançar nas conquistas. Como acontece todos, os trabalhadores da TELEMONT compareceram em massa à assembleia, o que fortalece o sindicato nas negociações junto à empresa. “É um orgulho para o sindicato ver esse número expressivo de companheiros na assembleia, pois demonstra para a empresa que estamos unidos em busca de um acordo que atenda as nossas necessidades”, disse o diretor do Sinttel-DF Aldair Brant.

Na semana anterior a realização da assembleia, os dirigentes sindicais percorreram os locais de trabalho para coletar as sugestões dos trabalhadores para a montagem da pauta. “Quando a gente participa da campanha salarial, temos mais forças para lutar por melhores condições de trabalho na empresa”, afirmou um trabalhador. A assembleia foi coordenada pelos diretores do Sinttel-DF Aldair Brant e Mercione José, com a participação dos representantes sindicais.

VEJA AS PRINCIPAIS REIVINDICAÇÕES DA CATEGORIA

Reajuste Salarial pelo INPC mais 8% de ganho real sem divisão e retroativo a maio;
Piso salarial de R$ 1.250,00;
Tíquete de R$28,00 sem coparticipação do trabalhador;
Reajuste da Cesta Básica para 10 tíquetes;
Reajuste de aluguel de veículo 10%;
Plano de saúde sem participação do titular e redução da participação para 15%;
Fim do Banco de Horas, manter a jornada de trabalho de segunda a sexta-feira (44 horas semanais);
PPR sem indicadores no valor de R$1.800,00;
Auxílio Creche para pais e mães no valor de R$400,00;
Equiparação salarial em todos os setores/CABO;

A PAUTA DE REIVINDICAÇÕES APROVADA CONTÉM 25 ITENS E SERÁ PUBLICADA NA ÍNTEGRA NO BOLETIM ALÔ ALÔ.



Data

09/04/2019

Veja mais notícias sobre o assunto, compartilhe essa notícia

Campanha Salarial

Comente